Área do cliente

Insira seu usuário e senha. Caso não possua, solicite ao Escritório.

Correio eletrônico

Acesse o seu correio eletrônico de forma simples e direta.

Notícias

Habeas Corpus vão tramitar pelo sistema PJe no Tribunal de Justiça do Espírito Santo a partir da próxima segunda-feira

Nos próximos meses, o sistema também será implantado em novas classes processuais das Câmaras Cíveis e Criminais. A partir da próxima segunda-feira, 29 de novembro, o cadastramento e a distribuição de Habeas Corpus em matéria Cível e Criminal, inclusive da Justiça Militar e Infância e Juventude, da competência das Câmaras Cíveis e Criminais Isoladas do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) deverão ser promovidos no sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe) Com a implantação do PJe, fica afastado o peticionamento por outro meio, salvo as exceções previstas no Ato Normativo 98/2021, publicado no Diário da Justiça no dia 29/10 e disponível em: https://sistemas.tjes.jus.br/ediario/index.php/component/ediario/?view=content&id=1234003 Contudo, os peticionamentos e recursos vinculados a Habeas Corpus (HC) que já se encontram no Sistema de Segunda Instância continuarão em tramitação de forma física. Assim como, pedidos de HC impetrados no plantão judiciário e no período de recesso forense, ainda que a medida requerida se vincule a processo em trâmite no sistema PJe, e pedidos de HC cujo ato de violência ou coação ilegal não sejam atribuídos a juízes de primeiro grau. PJe também será implantado em novas classes processuais das Câmaras Cíveis e Criminais nos próximos meses Segundo o Ato Normativo nº 105/2021, disponibilizado no Diário da Justiça (e-diário) no último dia 18, a partir de 15/12, o PJe passa a operar para as apelações cíveis (com exceção da competência infância e juventude), apelações/remessas necessárias, remessas necessárias cíveis, conflitos de competência cível, exceções de suspeição, cumprimentos de sentença, tutelas antecipadas antecedentes, procedimentos comuns cíveis, tutelas cautelares antecedentes, cumprimentos provisórios de sentença, cartas precatórias cíveis, petições cíveis, ações cíveis de improbidade administrativa, cartas de ordem cível e exceções de Impedimento. Ainda de acordo com a publicação, em uma segunda etapa, a partir do dia 12/01, o sistema também começa a funcionar para os agravos de instrumento de competência da Infância e Juventude, agravos de execução penal, recursos em sentido estrito, apelações criminais sem revisão, conflitos de jurisdição, cartas precatórias criminais, interpelações e cartas de ordem criminal. Serviço Outras informações sobre acesso ao sistema PJe, consulta de processos, consulta de indisponibilidade e relação de julgamento, entre outras, podem ser obtidas no endereço eletrônico: http://www.tjes.jus.br/pje/apresentacao/ Confira também as unidades judiciárias e respectivas competências que já operam com o Processo Judicial Eletrônico em: http://www.tjes.jus.br/pje/projetodocumentos/status-do-projeto/ Vitória, 26 de novembro de 2021   Informações à Imprensa Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES Texto: Elza Silva | Maira Ferreira Assessora de Comunicação do TJES www.tjes.jus.br
26/11/2021 (00:00)

Contate-nos

Rua Álvares Cabral  38  1 andar, sala B
-  Parque Residencial Laranjeiras
 -  Serra / ES
-  CEP: 29165-420
+55 (27) 3318-8880+55 (27) 3099-8880
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.